Qual a hora certa de pedir demissão e focar apenas no seu negócio online

Você está animado para começar um negócio online e trabalhar para você mesmo, mas qual é a melhor hora para pedir demissão do seu atual emprego? O que pode ser feito para conciliar as duas coisas sem se sobrecarregar e sair do emprego formal na hora certa? Descubra a resposta neste post.

As coisas mudam e, claro, a tecnologia, cada vez mais acessível para todos, facilita a vida de muita gente. Mas a internet não serve apenas como uma infinita fonte de informação ou uma ferramenta para aproximar pessoas distantes: ela pode ser a sua oportunidade de realizar o sonho de ter seu próprio negócio.

Sim, afinal, na internet, você tem a oportunidade de abrir o seu negócio por um custo muito mais baixo e vender para pessoas de qualquer lugar do mundo, a qualquer hora, afinal, o ambiente online nunca para.

Além disso, outra vantagem de começar um negócio online é que você pode fazer tudo isso em paralelo com o seu emprego atual: planejamento, desenvolvimento de produto, site de vendas etc, tudo pode ser feito nas suas horas livres. Até mesmo depois de tudo pronto, é possível conciliar as duas coisas: emprego formal e negócio online. E é justamente nesse ponto que aparece o dilema: qual é o momento certo para pedir demissão do trabalho?

Muitas pessoas dizem que esse momento depende muito de você, da sua motivação, do seu foco no novo negócio e das economias que você fez para momentos de emergência. Claro, é essencial ter uma reserva de dinheiro para o tempo que você passar desempregado e obtiver poucos lucros com seu negócio digital, mas o momento certo de pedir demissão do seu emprego atual envolve outras coisas importantíssimas, além do dinheiro, que devem ser levadas em consideração para que você tenha, de fato, certeza que vai dar tudo certo em sua nova empreitada.

Hoje, você vai conferir algumas dicas do expert Maurício Sampaio sobre quais os passos que você precisa dar para pedir demissão do seu emprego na hora mais adequada possível. O Maurício trabalha há quase 15 anos ajudando as pessoas a fazerem suas escolhas profissionais e é um empreendedor digital de muito sucesso. Confira as dicas abaixo!

1. Conheça mais sobre si mesmo

autoconhecimento

O autoconhecimento é um assunto que as pessoas não gostam muito de falar, pois nós costumamos ter vergonha de nós mesmos. Nós não fomos acostumados a pensar sobre nós mesmos, a analisar nós mesmos. Você, certamente, analise as pessoas ao seu redor com muito mais facilidade do que a si mesmo certo?

Então, se você quer tomar uma decisão certeira e ficar “blindado” contra comentários do tipo “você é louco pedir demissão para começar um negócio online?!” é o autoconhecimento.

Esse é o primeiro e principal passo que você deve dar, pois é ele quem vai te proteger contra as frustrações dos comentários negativos de outras pessoas e vai fazer você se mover em direção aos seus objetivos. Quando você entra no mundo do marketing digital, vendendo o seu infoproduto, você sente um pouco de dificuldade de explicar o que faz, principalmente no início, antes de obter os bons resultados. Então, não subestime esse passo de se conhecer um pouco mais e se tonar uma pessoa mais segura de si e do que quer para a sua vida.

2. Faça um bom planejamento

planjemanto

Você, sem dúvida, já sabe que o planejamento é fundamental em qualquer área. Você não decide de uma hora pra outra mudar de casa: você pesquisa o lugar onde quer morar, compara com sua morada atual, compara preços de outras casa, arruma as coisas, imagina onde elas caberão na casa nova, contrata o pessoal da mudança e marca o grande dia. Ou seja, decisões, principalmente as importantes, requerem bons planejamentos.

Poucas pessoas fazem um planejamento de carreira, poucos sabem o que irão fazer com seus conhecimentos num futuro próximo e, por isso, contornam os problemas e imprevistos com muito mais dificuldade. Ou seja: se você está investindo em um negócio online, é imprescindível estar preparados para enfrentar algumas dificuldades, tanto as financeiras quanto aquelas relacionadas à conciliação da vida de empreendedor digital com a de um empregado formal.

Outra coisa que não pode deixar de ser salientada é o planejamento financeiro de uma mudança. Não dá para fazer uma transição de uma profissão para outra sem planejamento financeiro. Se você tem uma reserva financeira, quanto tempo ela poderá te sustentar? É preciso planejar em quanto tempo você pretende ter resultados para pedir demissão e se manter com as suas reservas no prazo em que seu negócio amadurece e começa a dar resultados.

Se você não tem nenhuma reserva, então o melhor é ter um plano A e um plano B. Mantenha o seu emprego, nem que você não esteja mais aguentando o chefe, até que o seu negócio digital gere boas receitas, o suficiente para custear o seu padrão de vida sem muitas dificuldades.

3. Realize pesquisas

pesquisar

Se no seu planejamento você decidiu voltar a estudar, você precisa fazer uma pesquisa dos cursos, das universidades, do que cada modalidade de curso oferece etc. Por isso, a pesquisa é essencial.

A pesquisa sobre o mercado de trabalho e quais são as tendências é também fundamental. O mercado no qual você deseja atuar tem altos e baixos ou está em ascendência? Você já parou para pesquisar as tendências do mercado de marketing digital? Você já parou para pesquisar o que é, de fato, trabalhar com marketing online?

Se você trabalha numa empresa, quer montar um negócio próprio, mas não realiza pesquisas, corre o grande risco de mudar de uma chateação para outra. É preciso conhecer a rotina de quem tem um negócio próprio, conversar com pessoas que já trabalham com isso e saber um pouco mais sobre a rotina que elas levam, com a maior riqueza de detalhes possível.

4. Faça uma avaliação de si mesmo

autoavaliação

Ok, você determinou que quer investir em um negócio online, pesquisou bastante e chegou bem perto da sua decisão final. Agora, é hora de seguir os passos que você fez lá no seu planejamento.

O problema é que você pode ter um feito, de fato, um excelente planejamento, mas tenha esquecido dele e acabe criando outras metas, por isso, não esqueça de colocar no papel cada simples passo do seu planejamento.

A autoavaliação é importante porque ela ajuda você a ver se está realmente no caminho certo. Isso porque, geralmente, nós tendemos a nos afastar um pouco do caminho rumo aos nossos objetivos e, quando nos autoavaliamos, acabamos por perceber esse desvio e voltamos a seguir o planejamento direitinho.

Quando as pessoas entram no mundo do marketing digital e resolvem fazer um infoproduto apenas com um planejamento de cabeça, sem método, elas desviam muito o foco, pois não se autoavaliam, e acabam por jamais chegar ao objetivo final.

Então, se você quer realmente entrar no mercado do marketing digital, estude, pesquise, aprenda bastante, mas faça um bom planejamento estratégico e, principalmente, comece. não tenha medo de começar, de dar o primeiro passo, pois esse pode ser o primeiro passo de uma carreira de muito sucesso.

Essas foram as dicas de hoje, mas você pode conferir mais dicas sobre negócios digitais aqui: 3 dicas para criar seu negócio online e não fazer dívidas

 

 

Gostou?  Então me diga nos comentários as sacadas/dúvidas e comentários que surgiram para você.

Quer aprender mais sobre como ter um negócio de sucesso usando a Internet?
Então aproveite e baixe grátis as 5 Maiores Sacadas que tirei do meu livro, Negócios Digitais!

3 Comentários

  1. Lairson

    Obrigado pela dica, essa veio na melhor hora possível, pois daqui a três meses estarei somente no empreendimento digital, sucesso Alan.

    Responder
    1. Alan Pakes

      Edinaldo, vou pedir para a Daniela da minha equipe, lhe enviar um e-mail. Grande abraço!

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *