Os dois únicos motivos que fazem você comprar qualquer coisa (surpresa no final)

Por muito tempo estudei os grandes motivos que fazem as pessoas comprarem os produtos. Continue lendo e descubra o que eu aprendi.

Por Rafael Albertoni, especialista em copywriting e técnicas de persuasão

 

Imagine se você soubesse exatamente por que as pessoas compram e como criar nelas essa necessidade, esse desejo de comprar. O seu poder seria fora do comum!

Imagine se você pudesse vender qualquer coisa para qualquer um. É isso que você vai aprender agora. São dois os motivos que fazem as pessoas comprarem qualquer coisa.

O primeiro motivo é: para aliviar ou evitar uma dor

dor

Pagar e frequentar uma academia evita a dor de estar acima do peso ou de não ser saudável. Comprar um terno evita a dor de se sentir fora do grupo, ou de se sentir mal vestido.

Adquirir um curso ou uma palestra evita a dor de não saber o que fazer, ou de ter que testar vários caminhos até conhecer o caminho certo que te dá resultado.
Tente, agora, olhar a sua volta e descobrir quais são as dores que te fizeram comprar os produtos que estão ao seu redor. Esse é um ótimo exercício para começar a compreender as técnicas de vendas: persuasão e copywrite.

Se você quer ter acesso exclusivo ao Mapa do Marketing Digital, clique aqui.

O Segundo motivo é: para gerar ou aumentar o prazer

prazer

Nós estamos sempre em busca do Prazer. Sempre queremos melhorar a situação em que estamos.

Isso tem origem em nossos antepassados, milhares de anos atrás. Para sobreviver, nós descobrimos intuitivamente que sempre precisamos melhorar a nossa situação.

Morar em algum lugar melhor, com mais benefícios e facilidades. Participar de grupos de pessoas que se apoiam com o objetivo comum de sobreviver. Conseguir uma parceira ou um parceiro para se reproduzir.

Todas essas coisas aumentam nosso prazer e garantem a nossa sobrevivência e a sobrevivência dos nossos filhos. Dessa forma, nós aprendemos instintivamente que devemos buscar o prazer.

Muitas vezes o que você compra serve para os dois propósitos: para evitar uma dor e aumentar o seu prazer.

Esses dois motivos estão na base da psicologia do ser humano

homem-das-cavernas

Por milhares de anos tem sido assim e isso deve continuar por alguns milhares de anos à frente.

Uma das principais formas de usar esse Princípio da Dor e do Prazer no Empreendedorismo Digital é produzir títulos e headlines persuasivas.

Você precisa fazer as pessoas abrirem seus e-mails, clicarem nos seus Links e comprarem seus produtos. O seu Prospecto só abre o seu material e lê a sua comunicação se ele tiver um bom motivo para isso, se tiver um Título Persuasivo.

Essa semana, eu produzi um Livro Digital Grátis para orientar você a como Escrever Títulos persuasivos e poderosos, que tem o poder de fazer as pessoas clicarem nos seus links e comprarem seus produtos.

Esse material é poderoso e está disponível para você agora

Para baixar esse Livro Grátis Agora, clique na imagem abaixo e aproveite o material!

Livro

Se você gostou deste artigo ou se ficou com alguma dúvida, comente agora abaixo!

Conte para mim a sua experiência de comprar um produto que resolve uma dor ou aumenta um prazer. De qual produto você se lembrou ao ler este artigo?

Se você quer ter acesso exclusivo ao Mapa do Marketing Digital, clique aqui.

15 Comentários

  1. Ricardo Chahad

    Alan e Rafael! Excelente matéria e o blog também está ótimo. (Padrão de qualidade Érico Rocha!) hehe.

    Realmente, esse exercício simples que você sugeriu faz total sentido. Eu comprei uma cadeira de escritório para ter mais conforto ao ficar sentado (Prazer), e alguns anos atrás, quando eu ainda não tinha smartphone, me sentia com vergonha de ir em reuniões com clientes e todos na mesa tinham as novidades! rs. Eu comprei o meu para conseguir me sentir melhor e também socializar mais com esse público.

    Show.
    Abraços e sucessos!
    Chahad

    Responder
    1. Alan Pakes

      Pode deixar que vou passar os seus comentário para o Rafael Albertoni, Ricardo! Um abraço e sucesso!

      Responder
  2. Flávio Peralta

    Olá como vai,parabéns,já fiz download livro,vou ler com maior atenção,Abraços Flávio Peralta.

    Responder
  3. Cristina

    Comprei recentemente uma lavalouças que eu amo, porque me ajuda a ter mais tempo para fazer coisas que gosto.

    Responder
  4. FABIO GIORDANO NASCIMENTO DA SILVEIRA

    Boa Noite !

    Estou iniciando neste mercado já conhecia mas não tinha tempo pra me dedicar, sai de meu emprego Há alguns dias era vendedor de veículos, mas pretendo ter sucesso neste novo Objetivo até pra provar pra varias pessoas que disseram que isso não dava certo, e eu acredito e vou conseguir Abraço e sucesso !

    Att
    Fabio Silveira

    Responder
  5. SANDRA R.BARBOZA COSTA

    Perfeita sua colocação. É isso que rege o ser humano, prazer e evitar a dor.

    Responder
  6. Rogério Fortes

    Parabéns pela matéria.
    Você me deu muitas ideias. Ao invés de vender o produto, vender a necessidade, colocar o produto como necessidade.
    No meu caso que trabalho com desenvolvimento de site eu poderia ter um titulo “Não deixe sua empresa fora do mundo digital”, poderia ser esse titulo já que o cliente não quer comprar um apenas um site e sim saciar a necessidade da empresa ou negócio.

    Responder
    1. Alan Pakes

      Isso mesmo Rogério! Ótimo título, essa é a ideia! Sucesso! Grande abraço.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *